Dieta sem Glúten

Nos últimos anos a Dieta sem Glúten vem ganhando um número cada vez maior de adeptos entre a população em geral. Nos Estados Unidos, entre 2004 e 2011, o crescimento do mercado de produtos sem glúten cresceu com uma taxa anual de 28%.

Apesar disso, não existe nenhum estudo comprovando que de fato, alimentos sem glúten são mais saudáveis. Ao contrário, alguns estudos sugerem que o glúten pode ser mais benéfico do que prejudicial para pessoas saudáveis. Não o glúten em si mas sim os alimentos que contém glúten, geralmente feitos de trigo, centeio e cevada.

A Dieta sem Glúten só é recomendada para pessoas que apresentam intolerância ao glúten, como aquelas portadoras da doença celíaca, os chamados celíacos, ou para aqueles que têm sensibilidade(alergia) ao glúten. A alergia ao glúten é uma condição diferente da doença celíaca. Acredita-se que de 1% a 2% da população mundial sejam celíacos, sendo que metade não apresenta sintomas graves relacionado ao consumo de alimentos com glúten.

O que é o glúten?

O glúten é um tipo de proteína encontrado em alimentos processados a partir do trigo e grãos similares como a cevada e o centeio. O único tratamento para as pessoas que possuem alergia ao glúten é eliminá-lo da dieta.

Alimentos que contém glúten

Dieta sem Glúten - ilustração sanduíche

Dieta sem Glúten - a dificuldade é encontrar substitutos para alimentos como pães.

Esse ano a lei que tornou obrigatória a identificação dos alimentos que contém glúten nos rótulos completou 10 anos no Brasil. Dessa maneira, hoje em dia é bem mais fácil estabelecer uma dieta livre de glúten, basta observar o rótulo para saber se o produto contém glúten.

Em geral, os alimentos feitos a partir de trigo, centeio e cevada, assim como o malte obtido a partir desses grãos, constituem a grande maioria da lista de alimentos que contém glúten. O Triticale é outro grão que se vem sendo bastante utilizado hoje em dia e que também contém glúten. As bebidas feitas a partir desses grãos como cerveja e uísque também contém glúten.

É importante também levar em conta que alguns alimentos processados a partir de grãos sem glúten podem apresentar pequenas quantidades da substância por serem processados no mesmo local que produtos com glúten.

Alimentos que podem substituir pães e massas com glúten

A maior dificuldade entre os seguidores de uma dieta sem glúten é encontrar alimentos que podem substituir de maneira satisfatória aqueles que contém glúten, principalmente os pães e massas. O arroz pode ser um bom substituto para as massas e pães nas refeições. Confira a seguir algumas farinhas sem glúten que podem ser utilizadas sozinhas ou em combinação entre si em preparados como substitutos para a farinha de trigo, cevada e centeio:

Dica: Veja as calorias presentes em diversos tipos de grãos

A Dieta sem Glúten ajuda a emagrecer?

Certamente o aumento da popularidade da Dieta sem Glúten não se deve a um aumento repentino no número de pessoas diagnosticadas com a doença celíaca ou com sensibilidade a essa proteína. A Dieta sem Glúten virou moda principalmente após várias celebridades virem a público endossando esse novo hábito alimentar. Além de emagrecer, a Dieta sem Glúten também é apontada como auxiliar na redução do inchaço abdominal.

Relatos indicam que é possível obter resultados significativos na balança já a partir de 45 dias de uma dieta sem glúten. A redução no inchaço abdominal é notada mais rapidamente, começa a se tornar visível após 2 semanas. Porém, não há estudos que comprovem que a perda de peso e a redução do inchaço se devem à eliminação do glúten na dieta. É possível que a redução de peso seja consequência da adoção de uma dieta mais equilibrada e saudável e não especificamente do consumo de alimentos sem glúten.

O lado negativo

Deixar de ingerir glúten pode ser a única solução para os portadores da doença celíaca e com sensibilidade ao glúten. Porém, as pessoas que seguem uma dieta sem glúten podem apresentar deficiência de alguns nutrientes importantes para o funcionamento do organismo. Ao eliminar ou reduzir o consumo de produtos com glúten recomenda-se consultar um nutricionista especializado para verificar se o seu cardápio contempla a quantidade necessária de vitaminas e minerais como: